Recomendações

(21)
David Morais, Analista de Suporte Computacional
David Morais
Comentário · há 6 meses
José, acredito que você não tenha visto totalmente as situações que ocorrem.

Trabalhaste como perito por um tempo considerável, mas se esqueceu que muitas vezes as situações citadas remetem a 1 ou 2 anos atrás, e que o empregador ao ser ajuizado, em geral, conserta essas situações antes que o perito visite o local.

Eu vi isso acontecendo... poucos dias antes de uma perícia, o dono da empresa e o seu advogado andando por toda a empresa, e o advogado checando todos os itens que o perito verificaria. Ao final, concluiu que eles estavam irregulares, e que iriam perder a causa por conta da insalubridade.

O empresário então pede que seja passado tudo que está irregular para que seja regularizado. Em dois dias, todo o ambiente foi "corrigido", e até ar-condicionado consertado. O perito foi no local no dia e hora marcados, fez a vistoria e nada de errado encontrou.

É justo isso? Ver um empregador agindo na má fé para escapar de uma condenação? Os atuais funcionários se beneficiarão do ambiente correto, mas aquele que trabalhou 3, 4 anos no ambiente insalubre, vai ficar sem uma devida indenização.

Sempre achei essas perícias uma total perda de tempo, pois você tem data e hora para ser fiscalizado. É óbvio que se tiver o "rabo preso", vai correr para regularizar tudo. A polícia só pega um criminoso por que o meliante não sabe que será vistado pela mesma.

Para mim perícia tinha que ser na hora da audiência. O ex-funcionário cita o ambiente insalubre, o juiz levanta da cadeira e faz uma diligência imediata ao local. Só assim para "pegar com as calças na mão" um empresário com ambiente de trabalho irregular.
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

ANÚNCIO PATROCINADO

Outros perfis como Jodiel

Carregando

Jodiel Lima

Entrar em contato